Aproveitando os Benefícios das Cascas dos Alimentos – Por Bárbara Pacheco

A dica de hoje é como aproveitar a casca dos alimentos! Mas para isso, vamos conhecer os benefícios de cada um deles? Vem com a gente!

  • Kiwi: a casca, sempre desprezada, é rica em compostos fenólicos, flavonoides e vitamina C. Por ser fonte de fibra insolúvel, tem propriedade laxativa e melhora a função intestinal. Pode ser consumida com a fruta ou no preparo de sucos. 
  • Abóbora: rica em fibras, potássio, betacaroteno, luteína e zeaxantina (protege a visão) e vitamina A e C (antioxidantes). As sementes tem betacaroteno, ômega-3 e minerais (zinco, manganês, magnésio, fósforo, ferro e cobre). Fonte de proteína e os aminoácidos triptofano (promove o bem-estar) e arginina (para o crescimento muscular), e mais fitoesteróis (regula o colesterol), atua como vermífugo. As cascas podem ser cozidas junto com a abóbora. Já as sementes devem ser tostadas no forno e são um ótimo apetitivo. 
  • Talo da Salsinha: repleto de vitamina C, cálcio, fósforo, ferro, e potássio. É muito saboroso, podendo ser utilizado em refogados, caldos, molhos e temperos. 
  • Casca da Banana: rica em fibra e vitamina A, C e complexo B. Pode ser usada na confecção de bolos e farofas. 
  • Folhas da cenoura: ricas em vitamina A. São deliciosas e podem ser usadas como substituta da salsinha. 
  • Couve flor: As folhas externas são fonte de vitamina C, K e A, ácido fólico, e minerais como cálcio, potássio, magnésio e fósforo. Pode ser refogada, usada em recheios de panquecas ou acrescentada nos sucos. Os talos devem ser aproveitados em refogados, no feijão e na sopa. 
  • Casca do Maracujá: rica em niacina, que tem importante papel no metabolismo energético celular, e ajuda a eliminar as toxinas do organismo, também contem cálcio e fósforo. 
  • Casca da Laranja: possui mais nutrientes que a polpa, rica em vitamina C e fitonutrientes, auxilia na digestão, e alivia problemas gastrointestinais como acidez e azia. Muito utilizada para compotas, vitaminas, caldas ou massas de bolos. 
  • Mamão: a casca é muito rica em betacaroteno e na enzima papína, que auxilia na digestão. Pode ser consumida em sucos, bolos e ensopados. As sementes também podem ser consumidas. 
  • Casca do Melão: tem quase seis vezes mais cálcio e fósforo do que a polpa da fruta. Altas taxas de potássio. Depois de cozida por ser utilizadas em farofas, saladas e geleias. 
  • Batata: a casca é rica em minerais, vitamina C, fibras e fica bem macia. Cozinhe as batatas com a casca ou asse-as no forno, inteiras ou em pedaços. As mini batatinhas também são ótimas para acompanhar pratos. 
  • Casca do Abacaxi: possui mais vitamina C do que a polpa da fruta, ainda apresenta proteínas, lipídios, fibras, cálcio, potássio e ferro. Pode ser utilizada no preparo de sucos, bolos e chás. 
  • Folhas da Beterraba: rica em vitaminas e minerais, são um super antioxidante. Podem ser usadas para refogados, risotos, e saladas. Ate a agua do cozimento pode ser utilizada para confecção de gelatinas naturais.

#DICADANUTRI: Para que você consiga usufruir de todos os alimentos sem riscos nenhum para sua saúde, sempre consuma alimentos orgânicos de procedência comprovada! Eu sempre indico a @sociedadeorganica pelo belo trabalho desenvolvido em nossa comunidade.


Drª. Bárbara M. Pacheco @barbarampacheco | Nutricionista Esportiva🍴Comida de Verdade / Paleo 📞CAAMT (65) 2129-5457 / 9907-5457 📞Longevittá (65) 3623.0004 www.barbarapacheco.com | Colunista Semanal do Blog da Sociedade Orgânica.

Deixe seu Comentário